CASTANHA DE BARU

Baru é uma castanha de sabor semelhante ao do amendoim.

Fruto do baruzeiro, é nativa do cerrado brasileiro e pode ser encontrada no Triângulo Mineiro, norte do Estado de São Paulo, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Seu alto valor nutricional vem despertando o interesse de quem busca uma alimentação naturalsaudável, diversificada e valoriza os produtos nacionais.

Suas propriedades também são usadas na indústria da beleza. O óleo extraído do baru é usado tanto na cozinha quanto na cosmética.

É rica em óleos graxos essenciais (ômega 6 e 9) e tem, ainda, minerais como ferrozinco, fósforo, cálcio e magnésio, aminoácidos essenciais e alto teor de proteínas: 29,6%, mais que a castanha-do-pará e de caju.

Popularmente é chamada de “viagra do cerrado”, pelo poder afrodisíaco, e seu óleo, que é comparado ao azeite de oliva, é usado também no tratamento de reumatismo. Tem ação antioxidante e anti-inflamatória. Com tantos benefícios, ela merece fazer parte do nosso cardápio!

Consumo como alimento

A castanha pode ser consumida torrada, na forma de óleo, farinha ou, ainda, incrementar receitas como no pesto, pé de moleque, cajuzinho, bolos, doces e paçoca, por exemplo.

O consumo da castanha crua não é indicado, por possuir elementos que podem prejudicar a absorção de aminoácidos essenciais.

Na cosmética

O óleo de baru é considerado tão ou mais poderoso que o de argan na recuperação de cabelos danificados, proporcionando hidratação, restauração, brilho, maciez e ação  anti-frizz.

Seu uso na pele  hidrata profundamente, estimula a regeneração  celular, atenua marcas de estrias , forma uma barreira protetora, conta com ação antioxidante,  que combate os radicais livres  e o envelhecimento,  aumentando a elasticidade e o bilho da pele. Dê preferência ao óleo de baru orgânico 100% natural (prensagem a frio)!